MARIANA MARINATO

A artista de 24 anos é nascida e criada em Belo Horizonte e aprendeu a desenhar sozinha ainda quando criança. Ela gostava de assistir animes e reproduzia os personagens das animações japonesas.
Com o passar do tempo e a chegada da adolescência, por um momento, a arte saiu de sua cabeça, até que em 2015 ela passou para Artes Visuais na Escola Livre de Artes – Arenada Cultura, onde redescobriu seu amor pela arte. Durante os seus estudos na Arena teve como professor Alexandre Rato, multiartista que a incentivou a desenhar diariamente para trabalhar e viver da arte. Em busca desse sonho Mariana foi atrás de mais um curso e ingressou em 2018 na Escola Guinard. Foi nessa época que ela iniciou sua jornada no mundo do grafitti, e a partir daí as coisas fluíram bem para Mari, que começou a marcar presença em grandes eventos da arte mineira como Fábrica de Graffiti e Projeto Gentileza.
A artista conta que em seu processo de criação de painéis para a Galeria CAUS ela buscou abordar os mistérios do tempo e seus desdobramentos, retratando elementos que dialogam com essa ideia. Com seu olhar lúdico e universo imaginário ela convida o espectador a refletir sobre a passagem do tempo em suas vidas e as mudanças que isso traz para cada um.